sábado, maio 20, 2006

em Destaque :: Pedro Proença





"Epicuro no Futuro"
1995
Aguarela s/ papel
70x100




A obra de Pedro Proença está totalmente submetida à prioridade ao desenho, servido por uma rigorosa técnica gráfica e uma enorme riqueza imaginativa. A figuração de Pedro Proença é metamórfica, expansiva e ornamental. Metamórfica, porque usando formas humanas, animais e vegetais, as desenvolve segundo ritmos, perversões e deformações que as vão transformando umas nas outras. Expansiva, porque os seus desenhos tendem a não ter princípio nem fim, desdobrando-se em múltiplas direcções como se fossem plantas trepadeiras. No limite tendem a ocupar a totalidade do espaço em que se mostram tomando a forma de instalações site-specific. Esta lógica de ocupação do espaço permite que se fale de uma vocação ornamental, reforçada pela escolha dos motivos desenhados e pelo desenvolto virtuosismo da execução.»

Alexandre Melo







"Prometeu"
1983
Esmalte sintético
172x130

2 comentários:

AmigaTeatro disse...

!!

:)

PiresF disse...

Bem… eu gostei do quadro. Depois li a análise do Alexandre Melo e já gostei menos, mas ainda assim, gosto.
Agora, acho excelente este espaço com análise critica e agradeço.
Um abraço.