quarta-feira, julho 12, 2006

em destaque :: Museu Internacional de Escultura Contemporânea de Santo Tirso ao Ar Livre








Peter Klasen









O Museu Internacional de Escultura Contemporânea ao Ar Livre de Santo Tirso, é constituído por um conjunto de esculturas, realizadas por artistas nacionais e estrangeiros de prestígio internacional, localizadas em diferentes espaços públicos do município. Elaboradas a partir de materiais clássicos (como o granito, que é típico da região) ou não convencionais (como o aço), as esculturas fazem parte de uma exposição permanente e ao ar livre. Este Museu, único no país, possibilita o contacto fácil do público com peças artísticas, fazendo dos jardins novos espaços de comunicação pela arte.








Um Tai Jung









História do Museu

O primeiro simpósio internacional realizou-se em 1991. Este projecto consiste em dotar o município de um acervo de arte pública, ao exemplo de outros projectos como o “Skulptor Projekt” (Munster, Alemanha). Elaboradas a partir de materiais clássicos (como o granito, que é típico da região) ou outros (como o aço, mármore ou ferro), as esculturas fazem parte de uma exposição permanente ao ar livre que até ao ano de 2009 integrará 60 esculturas. É aprovada em reunião de Câmara, a 20 de Novembro de 1996 a constituição do Museu Internacional de Escultura Contemporânea, instituição que tem por função a realização dos simpósios bienais de escultura e assegurar ainda a manutenção e conservação das esculturas, proceder à divulgação e dinamização das actividades realizadas. O Museu é formalmente inaugurado em 1997 pelo Presidente da república, Dr. Jorge Sampaio. O “Organigrama funcional do Museu Internacional de Escultura Contemporânea” é aprovado em 11 de Março de 1998, redefinido-se a estrutura e competências dos vários espaços que integram o Museu.










Hang Chang Jo










in cm-stirso

4 comentários:

TR disse...

Desconhecia por completo. Belo post!! :-))

Rui Sousa disse...

Eu era conhecedor das esculturas nos jardins de Santo Tirso (cidade que conheço bem, pois moro muito perto) mas desconhecia a existência de um museu... mas ainda bem que em algum lado se aposta na arte...
Recordo-me bem das primeiras esculturas colocadas nos jardins, e recordo-me também das discussões engraçadas das gentes pouco familiarizadas com um tipo de arte diferente(!!!) - agora já encaram as peças como algo normal - mas gostava que continuasse a discussão.

Anónimo disse...

I'm impressed with your site, very nice graphics!
»

Anónimo disse...

I find some information here.