terça-feira, maio 30, 2006

"Sem Titulo" :: Desenho"









Mafalda Santos










"Sem Título"
Pontilhismo com Tinta-da-China s/papel

galeria mime

sexta-feira, maio 26, 2006

quinta-feira, maio 25, 2006

...entrelinhas...

«Só existem três acontecimentos na vida do homem: nascimento, vida e morte: não tem consciência de ter nascido, morre em sofrimento, e esquece-se de viver.»

Jean de la Bruyère, (1645-1696)

terça-feira, maio 23, 2006

segunda-feira, maio 22, 2006

sábado, maio 20, 2006

em Destaque :: Pedro Proença





"Epicuro no Futuro"
1995
Aguarela s/ papel
70x100




A obra de Pedro Proença está totalmente submetida à prioridade ao desenho, servido por uma rigorosa técnica gráfica e uma enorme riqueza imaginativa. A figuração de Pedro Proença é metamórfica, expansiva e ornamental. Metamórfica, porque usando formas humanas, animais e vegetais, as desenvolve segundo ritmos, perversões e deformações que as vão transformando umas nas outras. Expansiva, porque os seus desenhos tendem a não ter princípio nem fim, desdobrando-se em múltiplas direcções como se fossem plantas trepadeiras. No limite tendem a ocupar a totalidade do espaço em que se mostram tomando a forma de instalações site-specific. Esta lógica de ocupação do espaço permite que se fale de uma vocação ornamental, reforçada pela escolha dos motivos desenhados e pelo desenvolto virtuosismo da execução.»

Alexandre Melo







"Prometeu"
1983
Esmalte sintético
172x130

quinta-feira, maio 18, 2006

terça-feira, maio 16, 2006

"Sem Titulo" :: Estudo









Mafalda Santos










"Sem Título"
Estudo - Pastel Seco

segunda-feira, maio 15, 2006

sábado, maio 13, 2006

...entrelinhas...

«A Arte é maravilhosamente irracional, não tem o menor sentido e, apesar de tudo, é necessária.»

Günter Grass

quarta-feira, maio 10, 2006

segunda-feira, maio 08, 2006

sexta-feira, maio 05, 2006

"Maria Madalena ", esquisso 1 :: Desenho










Pedro E. Santos
(croqui)









"Maria Madalena",
esquisso 1
Grafite

quinta-feira, maio 04, 2006

quarta-feira, maio 03, 2006

...entrelinhas...

«Uma vida saudável deveria ser uma fábrica de sonhos. Pois os sonhos oxigenam a inteligência e irrigam a vida de prazer e de sentido»
«Se tivermos sonhos pequenos a nossa capacidade de sucesso também será limitada. Desistir dos sonhos é abdicar da felicidade…»

Augusto Cury (psicólogo / escritor)

terça-feira, maio 02, 2006